A Apple store Champs-Élysées abre domingo na famosa avenida parisiense

A Apple anunciou hoje a sua mais recente loja, a Apple Champs-Élysées. Esta ficará Instalada num edifício de apartamentos da era Haussmann. O seu pátio interior foi transformado no maior fórum da Apple, que será dedicado às sessões gratuitas do “Today at Apple”. A Apple oferece mais de 18.000 horas em sessões “Today at Apple” em todo o mundo, todas as semanas. Estas sessões são focadas nas áreas criativas, tais como a fotografia, música, programação, e design. Na primeira semana, a Apple Champs-Élysées irá ter sessões com músicos populares, cineastas, animadores, entre outros.

A Apple Champs-Élysées abrirá na famosa avenida comercial parisiense.

“A energia em Paris é eletrizante e será uma das principais cidades para o “Today at Apple”, disse Angela Ahrendts, vice-presidente sénior de retalho Apple. “Espero que todos os que visitem a Apple Champs-Élysées se sintam inspirados para se abrirem à sua curiosidade criativa e que possam aprender algo de novo.”

O seu pátio interior foi transformado no maior fórum da Apple, que será dedicado às sessões gratuitas do “Today at Apple”.

Esta nova loja será uma junção de arquitetura histórica e moderna, o design da loja pretende homenagear o passado do edifício, ao mesmo tempo que irá acrescentar um toque moderno com os novos espaços. A fachada e a entrada foram meticulosamente restauradas, a pedra de borgonha presente no exterior foi aplicada a todo o edifício, e o pavimento em parqué de carvalho francês visa reviver o espírito original do mesmo.

“Trabalhar no interior de um edifício histórico parisiense é uma grande responsabilidade assim como uma oportunidade fenomenal”, disse Jony Ive, diretor de design da Apple. “A nossa principal prioridade foi homenagear a história do edifício, enquanto pensávamos de forma cuidadosa em como o atualizar, por forma a criar espaços grandiosos e acolhedores.”

O design da loja pretende homenagear o passado do edifício da era Haussmann.

Várias características do design desta nova loja também servirão um propósito ambiental. Uma forma de iluminação escultural no telhado cobrirá todo o pátio, proporcionando luz solar para o espaço abaixo e gerando energia renovável com os painéis fotovoltaicos integrados. Um sistema de colheita de água da chuva irá fornecer água para as casas de banho, árvores, e paredes com vegetação, e, tal como em todas as lojas da Apple, a Apple Champs-Élysées será alimentada por 100% de energia renovável.

Mais de 330 funcionários, dos quais 100 novos contratos, irão dar as boas-vindas aos clientes aquando da abertura da loja. Este grupo irá representar 15 nacionalidades e irá falar 17 idiomas, com mais de 200 funcionários que se juntam de outras lojas da Apple em Paris e do resto do mundo. A Apple Champs-Élysées abre já este domingo às 12h locais.

Recomendado:

0 comentários