10 dicas para voltar a dar vida ao seu Mac

Os computadores da Apple são conhecidos pelo seu desempenho e estabilidade mesmo sob uma utilização mais intensa. No entanto, por vezes, as coisas podem parecer não correr tão eficazmente como deviam e o computador pode parecer lento. O que fazer?

Se acha que o seu Mac está a começar a ficar lento, experimente seguir estes passos:

1. Reiniciar

Embora um Mac não necessite de ser reiniciado frequentemente (pode mesmo chegar a aguentar meses sem precisar de reiniciar), será um dos passos lógicos a tomar se verificar que o seu Mac começa a ficar lento à medida que o usa.

2. Sair de aplicações que não estejam a ser usadas

Muitas aplicações a correr em simultâneo, mesmo que já não tenham janelas abertas, podem baixar o desempenho do computador, uma vez que ocupam os recursos do sistema (memória, processador).

3. Browsers

Os browsers (Safari, Chrome, Firefox, …) são das aplicações mais utilizadas atualmente, e são conhecidos por abrandar o desempenho do sistema quando se encontram ativos por um longo período de tempo. Uma outra situação comum é a de possuir vários separadores abertos, estes poderão utilizar uma grande quantidade de memória e diminuir os recursos disponíveis para outras operações. Para devolver algum desempenho ao seu computador encerre o browser que estiver a utilizar no momento e inicie-o novamente, se o computador continuar lento, experimente limpar a cache (No Safari vá até ao menu de Programação e selecione “Esvaziar Caches”).

4. Contas de utilizador

Termine sessão em contas de utilizador abertas que não estejam a ser utilizadas, deste modo assegurará que todo o desempenho do computador será “canalizado” para as suas tarefas.

5. Items de início de sessão

Verifique e ative só aqueles de que necessita. Para isto, abra o painel “Utilizadores e Grupos” das Preferências do Sistema e, no separador “Início de sessão” seleccione os que deseja e clique no botão (-)

6. Espaço livre em Disco

Convém ter sempre uma boa quantidade de espaço livre em disco para o macOS trabalhar, é aconselhável manter sempre cerca de 20% da capacidade do disco livre.

7. Processos de fundo não desejados

Use o Monitor de Actividade para procurar eventuais items que possam estar a consumir demasiada CPU ou RAM, que não lhe sejam proveitosos, e termine-os.

Atenção: este é um procedimento potencialmente perigoso, que poderá originar perdas de dados não guardados! Se não tem a certeza de que esta é a causa do problema e/ou se ainda não guardou todo o seu trabalho, não termine nenhum processo.

8. Ferramentas de reparação de disco

Erros de disco podem reduzir o desempenho do computador, usar uma ferramenta deste tipo (como o Utilitário de Disco, que vem incluído com o macOS) geralmente corrige esse tipo de erros.

9. Indexação do Spotlight

A indexação do Spotlight pode abrandar o desempenho do seu Mac nas restantes aplicações. Se tiver pastas com muitos ficheiros que são frequentemente atualizadas, adicione-as ao separador Privacidade no painel de preferências do Spotlight.
Tenha em atenção que se utilizar este procedimento, isso irá impedir as pesquisas efetuadas no Spotlight de mostrarem ficheiros localizados nessas pastas.

10. Items na Secretária

Se tem por hábito encher a Secretária do seu Mac com muitas fotografias e/ou videos, é uma boa ideia organizá-los dentro de pastas, sempre que possível.

Continue a acompanhar o iClub para aprender mais dicas de dispositivos Apple!

*Artigo atualizado pela nossa redação a 9 de março de 2020. Ano original da publicação: 2012

0 comentários

Leave a Reply