Tim Cook nomeado para Pessoa do Ano da TIME’s

A TIME’s colocou hoje os finalistas dos nomeados para “Pessoa do Ano” e mais uma vez Tim Cook está na lista. A TIME’s justifica a opção dando o reconhecimento ao CEO da Apple pelo lançamento do iPhone 6 e do iPhone 6 Plus, o lançamento de serviços como o Apple Pay, o lançamento do Apple Watch e claro a recente decisão de se assumir homossexual.

Em Outubro, Tim Cook tomou a decisão de assumir publicamente a sua orientação sexual numa carta enviada à Bloomberg BusinessWeek, onde justifica a decisão com o facto de “trazer conforto a todos aqueles que se sentem sós” e com o facto de querer “inspirar as pessoas a lutar pela igualdade de direitos”.

Para além do CEO da Apple estão também nomeados, os manifestantes de Ferguson, todos os que ajudaram a combater o Ebola, o presidente Russo Vladimir Putin, a artista Taylor Swift, o CEO do Alibaba Jack Ma, o presidente da região curda do Iraque Masoud Barzani e o comissionário da Liga Nacional de Futebol Norte-Americano Roger Goodell.

timepersonoftheyear2014

O prémio Pessoa do Ano da TIME’s é dado à “pessoa, casal, grupo, ideia, local ou máquina” que se influenciou positivamente ou negativamente durante o ano. A decisão final cabe à equipa editorial da publicação.

Tim Cook já tinha sido nomeado em 2012 juntamente com a CEO do Yahoo Marissa Mayer, Bill e Hillary Clinton e os cientistas que descobriram o Bosão de Higgs (Partícula de Deus), mas o prémio acabou por ir para o presidente Norte-Americano Barack Obama. Em 2013 o prémio foi atribuído ao Papa Francisco e em 2010 foi Mark Zuckerberg quem o levou para casa. De referir que Mark Zuckerberg foi a único CEO de uma empresa tecnologica que recebeu o prémio desde a atribuição em 1999 a Jeff Bezos, CEO da Amazon.

0 comentários