Teste da fusion drive num Mac Mini com resultados surpreendentes.

Uma das novidades anunciadas pela Apple no evento de 23 de Outubro foi o lançamento da tecnologia fusion drive.

Na prática esta novidade trata-se de um dispositivo de armazenamento hibrido composto por uma unidade solid-state drive, mais rápida mas com uma menor capacidade de armazenamento, e um disco tradicional com maior espaço. O sistema operativo automaticamente armazena o software e ficheiros mais utilizados na solid-state drive melhorando assim o desempenho sem sacrificar a capacidade de armazenamento.

Foi efectuado um teste que compara um mac mini de 2012 equipado com uma fusion drive com outro mac mini idêntico mas sem a nova tecnologia e os resultados foram conclusivos.

O mac mini equipado a referida fusion drive demorou 15.7 segundos a ligar-se enquanto que o computador com a tecnologia tradicional realizou a mesma tarefa em 34,1 segundos, ou seja, precisou de mais do dobro do tempo.

Relativamente as velocidades de escrita e leitura também aqui foram encontradas melhorias significativas. O computador equipado com a nova tecnologia atingiu velocidades na ordem dos 300mb/s de escrita e 400mb/s de leitura enquanto que o computador sem a fusion drive ficou-se por velocidades próximas dos 100mb/s em ambas as tarefas.

É claro que o teste se limita a um modelo e as suas conclusões não poderão ser extrapoladas para os restantes modelos de computadores disponibilizados pela Apple mas ainda assim não deixa de fornecer indícios fortes sobre as melhorias que esta tecnologia proporciona aos seus utilizadores.

0 comments