O que têm a Apple, a Google, o Facebook e a Amazon de diferente?

Desde há 20 anos, os GAFA (Google, Apple, Facebook e Amazon) não cessam de nos surpreender. Porta-estandartes da economia digital americana, valorizados em centenas de milhares de milhões de dólares, os GAFA tornaram-se gigantes industriais. Cada um deles, líder no seu mercado de origem e à conquista de todas as indústrias: saúde, telecomunicações, media, comércio, transportes, etc…

Do hardware aos connected devices para a Apple, das redes sociais para as telecomunicações para o Facebook, do e-commerce ao futuro dos serviços de entrega para a Amazon, da pesquisa para o futuro da informação para o Google, estas empresas esforçam-se, cada dia que passa, para conquistar um espaço na lista dos “indispensáveis” do nosso quotidiano. 

Os GAFA são as infraestruturas da nova economia.

Alguns dos números dos quais podemos tirar algumas conclusões:

O estudo é da FABERNOVEL, uma agência de inovação que ajuda as grandes organizações a construir o futuro das suas indústrias, à velocidade das startups. Reconhecida internacionalmente pelos seus estudos, a FABERNOVEL foi criada há 11 anos, em Paris, e conta com escritórios em Toulouse, São Francisco, Nova Iorque, Moscovo e Lisboa, combinando tecnologia, design e tendências na criação de mais valor para as organizações.

Para além de apoiar as organizações na estratégia e na execução de projetos, a FABERNOVEL lançou, em Setembro, o institut FABERNOVEL, uma área totalmente dedicada à partilha de conhecimento, com programa corporate à medida e programas para executivos multi-corporate.

Se quiser saber mais o estudo vai ser apresentado ao público no próximo dia 18, com entrada gratuita mas registo obrigatório em http://gafanomics.eventbrite.pt/  (lugares limitados).

0 comments