Números registados com o Pokémon Go começam a ressentir-se

Depois da febre do Pokémon GO se ter instalado no inicio deste verão e do mesmo ter batido recordes nas lojas de aplicativos App Store  (e Google Play Store), eis que começam a aparecer os primeiros dados de que a “febre está a baixar”.

mw-1920

Como é possível confirmar pelos gráficos apresentados pela consultora Axiom Capital Management (via bloomberg),  depois do aumento brutal no mês de Julho começou-se a notar uma queda constante do número de utilizadores neste jogo criado pela Niantic.

De 5 até 19 de julho o crescimento foi exponencial, atingindo um valor máximo 45 milhões de utilizadores ativos. Mas daí em diante começou a notar-se um declínio, que se começou a acentuar da ultima semana de julho até à passada semana, na data da última amostragem. Nessa altura já existia uma diferença de cerca de 15 milhões, desde que este atingiu o pico máximo com 45 milhões.

pokemon-go-queda-2

A percentagem de “engagement”, também acompanhou a queda registada do número de utilizadores. O único pico depois da queda foi entre os dias 4 e 6 de agosto com o lançamento oficial da app no Brasil (coincidindo com os jogos olímpicos naquela país sul americano).

pokemon-go-queda-3

Com a chegada do Pokémon Go, também se fez notar um aumento do número de interessados na realidade aumentada, (através de pesquisas no Google) que é uma das tecnologias integrantes do jogo, que a acompanhar esta queda, também se tem ressentido no interesse por parte do público.

Apesar destes números, não há dúvida que este continua a ser a sensação do ano e que um dia mais tarde, certamente será lembrado por muitos, independentemente da faixa etária. Pokémon Go fez, faz, e provavelmente continuará a fazer história no mundo da tecnologia, independentemente dos números, tenha ele 45 milhões de utilizadores, ou apenas 20, ou 30 milhões.

0 comments