Microsoft Surface: chegou a competição ao iPad?


Depois de o iPad dominar o mercado durante 3 gerações, eis que a Microsoft revela um novo tablet com um padrão de qualidade muito competitivo.

Revelado num evento misterioso em Los Angeles, o Surface promete ser um óptimo substituto para o netbook, mantendo a produtividade e o consumo de conteúdos no mesmo dispositivo. Numa carcaça de magnésio, incorpora um ecrã multi-toque de 16:9 de 10 polegadas, USB e até 128GB de memória. Vai estar disponível em 2 versões: Windows RT e Windows 8 Pro.

A primeira versão, com 9,3 mm, é 0,1 mm mais fina que o iPad mais recente e ligeiramente mais pesada. Conecta-se através de MicroSD, USB 2.0 e MicroHD Video e vem equipada com uma capa TouchCover que se prende magneticamente ao Surface, com um teclado capacitativo integrado.

A versão Pro, equipada com Intel Core i5, tem disponível um ecrã ClearType Full HD Display, semelhante ao Retina, Mini DisplayPort, USB 3.0, microSDXC, e uma caneta que também se prende magneticamente ao tablet. Menos positivo é pesar pouco mais de 900 gramas.

Há ainda uma capa TypeCover mais grossa disponível, mas com um teclado a sério.

O Surface aparenta ser bastante versátil e procura afirmar-se como um PC. Com uma concorrência actual relativamente fraca, o tablet da Microsoft poderá tornar-se um sucesso e conquistar muitos novos utilizadores.

Sabemos que a versão RT estará disponível ao mesmo tempo que o novo Windows 8, por volta de Outubro. Só não sabemos a que preço estará disponível.

Ainda assim, o vídeo promocional é espectacular.

0 comentários