Marissa Mayer quer que a Apple troque o Google pela Yahoo

Há já algum tempo que as relações entre a Apple e a Google não estão bem, desde que começou com Android até mais recentemente o abandono da Apple dos mapas da Google na aplicação nativa do iOS. Por sua vez, as relações entre a Apple e a Yahoo estão cada vez melhores, a Yahoo é uma das principais empresas a ceder dados para as aplicações nativas da Apple, neste caso o Tempo e a Bolsa.  Contudo, apesar da vontade do Yahoo, esta discussão não envolveu o motor de buscas padrão do Safari no sistema operativo móvel da Apple.

Hoje, a imprensa veio afirmar que Marissa Mayer (ex-Google agora CEO do Yahoo) quer negociar com a Apple para que o Yahoo se torne o sistema de busca padrão no sistema operativo móvel da gigante de Cupertino.

Pesquisa-iClub-Yahoo

Marissa já teria mesmo preparado alguns esboços do que poderia vir a ser a interface do sistema para iOS e pretende apresentar isto aos altos representantes da Apple. Até ao momento nenhuma conversa oficial entre as duas empresas aconteceu, contudo a CEO do Yahoo já teria partilhado a ideia com alguns executivos da Apple como é o caso de Jony Ive (senior vice-presidente para o design da Apple).

Óbvio que não bastam os esboços, e uma conversa para convencer a Apple, recorde-se que a Google desembolsa cerca de mil milhões anuais para que a Apple coloque como padrão o seu motor de busca no iOS.

De acordo com Kara Swisher do Re/Code existem duas coisas que estão a impedir Marissa Mayer de concretizar os seus planos:

  1. O Yahoo não tem tecnologia suficiente para desenvolver um sistema de buscas móvel que possa combater diretamente com o do Google ainda que existam duas iniciativas internas (Fast Break eCurveball, focadas em pesquisas móveis) para que a empresa se torne padrão no iOS.
  2. A Apple leva muito a sério a experiência do utilizador e visto que a oferta da Google é a melhor do mercado torna-se difícil a gigante de Cupertino mudar para um sistema de buscas ainda em desenvolvimento.

A CEO do Yahoo tem portanto uma tarefa difícil no entanto nada é impossível. Pode vir a demorar algum tempo até que estes planos se concretizem efetivamente, mas em dúvida que deixar o Google completamente fora do iOS agrada aos executivos da Apple e a ex-Google sabe isso muito bem.

0 comments