Malware no OS X pode usar câmara e microfone para espiar utilizadores


O tempo em que a Apple apregoava o seu OS X como sendo “à prova de vírus” já lá vai, e com uma base de utilizadores sempre crescente, vai-se tornando cada vez mais atractivo para que atacantes tentem infectar os Macs e aproveitar toda e qualquer informação valiosa que possam recolher.

Num dos casos mais recentes, o do malware  OSX/Morcut-A (também chamado de “Crisis” por alguns anti-virus), o tipo de informação recolhida é suficiente para alertar os utilizadores das possíveis consequências. Este malware pode monitorizar e controlar:

  • coordenadas do rato
  • instant messengers
  • localização
  • webcam
  • conteúdos no clipboard
  • teclado
  • programas em execução
  • URLs da web
  • fazer capturas de ecrã
  • microfone
  • alertas e eventos no calendário
  • conteúdos da vossa agenda

Ou seja… praticamente tudo o que possam fazer usando o computador. Portanto… há quem recomende que o uso de um anti-virus num Mac se torna agora essencial e necessário. Mas, no mínimo, é algo que também incentiva a que não instalem programas de origem “duvidosa”, nem tão pouco visitem sites que não sejam de confiança. (A prevenção continua a ser melhor arma…)

0 comentários