Johny Srouji recebe 20.5 milhões de dólares em acções da Apple

O novo Vice-Presidente Sénior para as tecnologias de Hardware recebeu, em Outubro deste ano, este valor dividido por dois tipos de acções: normais e Restrictas. No que diz respeito a estas últimas, (entituladas de RSU – Restricted Stock Unit) Srouji recebeu 90270 unidades que actualmente têm um valor de 9.6 milhões de dólares (cerca de 8.4 milhões de euros).

Não se sabe se estas acções são uma compensação adiantada pela sua promoção a Vice Presidente Sénior, mas a verdade é que as 90270 unidades são quase duas vezes mais acções do que as 55842 que Srouji recebeu em 2014. O Vice-Presidente terá acesso a 12.5% das acções de 6 em 6 meses durante um período de 4 anos, não tendo por isso os 9.6 milhões de dólares imediatamente.

Para além disso, Srouji também recebeu acções normais que juntas valem 10.9 milhões de dólares (9.9 milhões de euros aproximadamente). Estas acções, ao contrário das RSUs, podem ser vendidas quando o recipiente desejar sem ter que esperar por um determinado prazo.

Johny Srouji foi trabalhar para a Apple em 2008 tendo, na altura, liderado a criação do primeiro processador exclusivo da Apple para dispositivos móveis, o A4. Desde então, Srouji liderou equipas de engenheiros fortes e inovadoras na área de tecnologia e silicone. Alguns dos produtos gerados são revolucionários e aplicam-se a baterias, processadores, sensores, ecrãs entre outros chips.

0 comentários