iPhone que se antecipa ao utilizador?

iphone antecipate

Há mais de uma década que nas minhas discussões sobre o sistema operativo ideal digo que o sistema deveria antecipar-se ao que o utilizador quereria fazer, de forma a que a utilização de uma máquina fosse o mais instantânea possível (na altura chamava esse sistema operativo milagroso de Instant OS, mas entretanto o nome já foi apanhado pela Splashtop).

Por exemplo, quando movimentam o rato para clicar num icon, nas fracções de segundo em que o rato já está situado em cima de um icon mas antes que cliquem para o executar, já o computador deveria ter a obrigação de começar a pré-carregar o programa em memória para que fosse mais rápido a iniciar.

Não sei se alguma vez teremos um sistema operativo instantaneo que não nos faça esperar mais que poucos centésimas de segundo a tudo o que fizermos, mas a Apple está a trabalhar num sistema de identificação de situações que poderá antecipar-se ao que o utilizador quer fazer.

iphone antecipar comandos

Como todas as patentes, nada nos garante que isto alguma vez se venha a concretizar, mas a ideia é que um equipamento esteja “consciente” do ambiente em que está, e possa prever aquilo que o utilizador deseja fazer. Por exemplo, ao tirar o telemóvel do bolso e se estivermos num ambiente escuro, um iPhone poderia activar automaticamente o modo de silêncio; de manhã, podia automaticamente desligar o modo silêncio assim que detectasse movimento e estivesse luz suficiente.

Todas estas acções e reacções poderiam ser configuradas, de forma a combinar-se os vários inputs. Levando o conceito ao limite, poderíamos fazer coisas como: se estiver na localização X, a hora Y, com o iPhone parado, e com tal nível de luminosidades, então faz isto ou aquilo.

Por enquanto ainda parece ser algo muito complicado, mas penso que será algo que eventualmente se tornará natural e indispensável para a utilização de equipamentos sem que tenhamos que recorrentemente repetir sequências que acabam por nos dar mais trabalho para utilizar algo que nos deveria simplificar a vida.

0 comentários