Entrevista com Vitor Lourenço da Codespoon, que criou o jogo “APANHA O CANUDO”

Header da página da Codespoon

Header da página da Codespoon
A CODESPOON surgiu em Agosto de 2011, em Évora, e tem apostado no desenvolvimento de software para smartphones, especificamente para o mercado asiático. Além das aplicações para smartphones, surge ainda como uma empresa vocacionada para o desenvolvimento web e experiências em redes sociais. Mais recentemente, desenvolveu um jogo que catapultou a empresa para o sucesso no mercado nacional das apps para iOS.

O jogo Apanha o Canudo baseou-se no curriculum de um conhecido político nacional, e tem uma mecânica de jogo simples e viciante, tal como todos nós gostamos.

Decidimos contactar a CODESPOON para perceber um pouco a sua história recente e o que os levou a optar pelo caminho do desenvolvimento de software para esta plataforma.

Quem faz parte da equipa da CODESPOON?
A Codespoon é uma empresa nacional, de capitais privados, constituída por 4 sócios e com uma equipa operacional composta por 2 elementos que gerem as áreas Comercial, Marketing e Desenvolvimento Estratégico. Complementarmente, a Codespoon conta ainda com várias equipas de parceiros internacionais para as áreas de Design, Desenvolvimento, Qualidade e Suporte.

Qual é a formação e trajecto profissional dos elementos da equipa?
A equipa da Codespoon possui competências nas áreas das tecnologias de informação, marketing e comercial. A longa experiência profissional permitiu consolidar a formação superior obtida e alargou o seu espectro de intervenção através dos muitos projectos em que participaram. A realidade actual, no entanto, obriga a que se adquiram e actualizem novas competências para dar resposta a realidades e exigências mais recentes. Nomeadamente no que respeita a novas tecnologias de programação, sistemas operativos e plataformas tecnológicas, técnicas de análise de mercados, marketing digital e outras tantas mais que vão surgindo quase diariamente.

Que ferramentas (hardware e software) usam para trabalhar?
Talvez a ferramenta mais importante seja a Internet, que permite a gestão das nossas diversas equipas de trabalho e dos nossos canais de distribuição, nomeadamente as diversas redes sociais relevantes no mercado onde actuamos. Ao nível do hardware utilizamos portáteis, tablets e smartphones. Ao nível do software utilizamos, para além das tradicionais soluções de Office Automation, ferramentas de design e de programação para os diferentes dispositivos e sistemas operativos, soluções de colaboração, gestão de projectos e de gestão de testes, é verdade que maioritariamente open source

Há quanto tempo usam Mac e porquê?
Utilizamos Mac desde 2011, especificamente para os nossos projectos.

Aplicações para mercado asiático… que aplicações é que já desenvolveram, e de onde surgiu esta ideia?
Claramente o mercado asiático é uma aposta pelo tremendo potencial crescente de penetração de Internet móvel e das redes sociais. Estima-se que no fim de 2012 existam cerca de 794,4 milhões de utilizadores de internet móvel na APAC. Este número crescerá para além dos 1290 milhões em 2016! Por exemplo, a China possui uma população de 1300 milhões no fim de 2011, que contribuem para quase metade das subscrições de dispositivos moveis nos seis países da Ásia-Pacífico, estudados pelo Euromonitor International in 2011.

Subscritores de Mobile phone, por país e respectivo crescimento em 2011:

  • China: 910.7 million (68.0%)
  • India: 681.4 million (56.7%)
  • Indonesia: 187.1 million (79.6%)
  • Malaysia: 34.0 million (118.9%)
  • Philippines: 106.4 million (111.2%)
  • Vietnam: 109.1 million (124.3%)

eMarketer, March 2012

As aplicações que temos desenvolvido direccionam-se especificamente às sensibilidades culturais e socias desse mercado. O primeiro foi Mimis (orelhas em japonês) seguindo-se as actuais aplicações relacionadas com Cosplay (Nekomimi para Facebook e Twitter, Nekomimi RenRen Edition e Nekomimi Weibo Edition), Clazy Flies (aplicação em lançamento), são as 6 aplicações actuais disponíveis. Este mês de Novembro lançaremos o portal Cospin.me, uma rede social privada da comunidade Cosplay.

Screenshot de Nekomimi

Desenvolvem em japonês? ^-.-^? Como se processa a criação de uma app deste tipo, quando a língua é uma barreira?
Japonês, Chinês e Coreano. São os principais idiomas que utilizamos. Bom, a dificuldade é ultrapassada através da utilização de recursos locais para a localização das aplicações. O processo de desenvolvimento do core das aplicações é algo agnóstico à questão linguística, embora seja crítico respeitar as particularidades sociais locais. Na realidade a maior dificuldade surge no relacionamento com as redes sociais que utilizamos para a divulgação e distribuição das aplicações. A comunicação é maioritariamente feita nos idiomas locais… o que não é um processo nada fácil.

O vosso jogo mais recente é o APANHA O CANUDO, à venda na iTunes Store por 0,89 euros. Sabemos de onde surgiu a ideia, claro, mas porque o fizeram?
Pela mesma razão que temos feito as outras aplicações, porque achamos que nos daria gozo fazê-lo. Creio que nunca fizemos nenhuma aplicação somente com o objectivo de “vender”. Tem que nos dar prazer e a possibilidade de aprender algo de novo.

Screenshot de Apanha o Canudo

Não deverá ser por isso visto como uma posição partidária, certo? 🙂
De maneira nenhuma. É claramente uma aplicação “oportunista” e mais poderão surgir. Felizmente, por este lado, não faltam inspirações. Já recebemos sugestões para réplicas em outros países, o que demonstra que Portugal não possui o monopólio destes “casos”.

Quanto tempo demorou a desenvolver a aplicação?
Esta em concreto demorou cerca de 2 meses.

Existe uma dúvida muito grande sobre a rentabilidade de aplicações deste tipo específicas para o mercado nacional. Aconselham alguém a iniciar-se neste mundo fixando como o seu objectivo enriquecer no curto prazo?
Não. Creio que não existe dúvida alguma. Não é rentável. Aliás, cada vez acreditamos mais que o mercado nacional não existe, e não é só nesta área. Não temos dimensão, quantitativa nem qualitativa. Se o objectivo é enriquecer a curto prazo… apostem noutras áreas e depois partilhem connosco os resultados. Para vos dar o exemplo, basta vender 36 unidades num dia para chegar ao 7º lugar da Apple Store, enquanto é necessário 7000 para chegar ao 81º lugar na China…e isto diz tudo…

Como foi o processo de submissão à App Store?
Burocrático e demorado.

Como programadores, qual é a vossa opinião sobre a exclusividade de distribuição através da App Store?
Não gostamos, mas é o que temos…

Como programadores, qual é a vossa opinião sobre a exigência da Apple em cortar com o suporte ao iPhone 3G (quando se desenvolve para suportar o iPhone 5/iOS6), quando a maioria do software ainda corre perfeitamente neste equipamento?
Na realidade jogos muito elaborados são lentos nas versões mais antigas. Para evitar que os utilizadores se queixem da performance é normal que assim aconteça.

Como tem sido o feedback dos utilizadores das vossas Apps, e desta em particular?
O feedback tem sido fantástico, principalmente na Ásia. Temos recebido feedback para adicionarmos novas funcionalidades via email.

Qual é a vossa opinião sobre o talento que existe em Portugal nesta área?
O talento nacional não fica a dever nada ao talento internacional. O que talvez falte é um maior empenho e profissionalismo na produção nacional. Mas isso levava-nos a muita discussão…

Optaram inicialmente pelo mercado oriental…e agora o mercado português… qual dos dois oferece mais oportunidades?
O mercado nacional foi uma brincadeira… aliás, não é mercado.

Na vossa página de Facebook têm o dizer “Can you Wait till September?”podemos esperar um mega sucesso todos os Setembros?
Esperamos poder oferecer sucessos todos os meses, aliás, temos mais produções para lançar nas próximas semanas. Vamos a ver…

Em tom de provocação, que apps consideram essenciais em qualquer dispositivo iOS, além das vossas?
Existem outras????

Para terminar, que conselhos dão a quem quiser criar aplicações para o iOS da Apple?
Primeiro, se for para ganhar dinheiro rápido e fácil… esqueçam, existem outras opções. Determinar claramente quais os objectivos, porquê e como vão concretizar esses objectivos. E que o projecto seja de rápida implementação. Visão, rapidez e flexibilidade são determinantes neste mercado. Por último, garantam fortes competências de comunicação e promoção e muito bom conhecimento do mercado onde pensam actuar.

Muito obrigado, Vitor, e zhù nǐ háoyùn (boa sorte)!!!

Download: iTunes Store
Preço: 0,89 €

Categoria: Jogos
Actualizado: 27 de Set de 2012
Versão: 1.0
Tamanho: 11 MB
Idiomas: Inglês
Programador: CODESPOON, LDA
Classificação de 4+

Requisitos: Compatível com iPhone, iPod touch e iPad. Requer a Actualização de software iPhone 3.2.

0 comentários