Apple anuncia apps com ResearchKit para estudo de Autismo, Epilepsia e Melanoma

A Apple anunciou, através de um comunicado de imprensa, que investigadores da Universidade de Duke, John Hopkins e Oregon Health & Science acabam de lançar novos estudos tirando proveito da plataforma ResearchKit com cada uma das delas a lançar uma app para estudar o Autismo, Epilepsia e Melanoma, respectivamente.

App Autism & Beyond: Com esta app, a Universidade de Duke quer descobrir se a câmara frontal do iPhone pode ser usada para detectar sinais precoces de problemas de desenvolvimento. A app irá usar um algoritmo inovador de detecção de emoções para medir reacções de crianças quando vêm um filme no iPhone.

App EpiWatch: Pela primeira vez, uma app do ResearchKit vai tirar proveito do Apple Watch. A John Hopkins quer perceber se o Apple Watch consegue detectar o início e a duração de um ataque de epilepsia. Numa fase inicial, a app irá usar uma “Complication” única que oferece a possibilidade aos utilizadores de, como um único toque, activarem app para começar a registar dados do acelerómetro e do batimento cardíaco e ainda avisar uma pessoa próxima.

Melanoma: O objectivo desta app, criada pela Universidade de Health & Science de Oregon, é perceber se o a câmara do iPhone pode ser usada para medir o tamanho dos sinais. Assim as pessoas poderão acompanhar o crescimento dos mesmos e perceber se necessitam de recorrer a um médico especialista.

Para finalizar, a Apple revela também que em menos de 6 meses, mais de 50 investigadores criaram apps que tiram proveito da plataforma ResearchKit. Esta plataforma foi apresentada em Março mas, neste momento, apenas se encontra disponível nos Estados Unidos da América.

0 comments