Apple anuncia API para o Apple Music

Todos os programadores têm agora acesso a um API desenvolvido pela Apple, que permite controlar o Apple Music dentro de outras apps. A revelação foi feita pela própria empresa na sua página para programadores e pessoas inscritas no programa de afiliados.

No site pode-se ler quais as funcionalidades deste novo API que os programadores podem tirar proveito:

  • Os programadores podem ver se o utilizador é membro do Apple Music;
  • Os programadores podem ver de que país o utilizador tem conta;
  • Os programadores podem colocar na lista de reprodução a(s) música(s) seguinte(s), baseando-se num ID da música para esse efeito;
  • Os programadores podem inspeccionar a lista de reprodução no “My Music” ou então criar uma nova lista de reprodução com um título e descrição.

A empresa também fez questão de estabelecer algumas regras para todos aqueles que queiram usar este API nas suas apps:

  • Não é permitido à app gravar ou oferecer a possibilidade de fazer download de conteúdo existente no Apple Music, sem autorização prévia;
  • Serão rejeitadas apps que usem o API do Apple Music e que activem o playback sem a explicita autorização do utilizador;
  • Todas as apps que usem este API têm que exibir e respeitar os controlos típicos para este tipo de conteúdo, tais como “Play” e “Pause”.
  • As apps não podem pedir pagamento ou monetizar o acesso ao Apple Music através das suas apps.

0 comentários