Apple adquire startup de reconhecimento facial

A informação foi avançada pelo conceituado The Wall Street Journal que, no entanto, não menciona por que valores foi a compra feita da startup norte-americana Emotient.

Esta startup especializou-se no reconhecimento de expressões faciais para determinar o estado de espírito da pessoa. A tecnologia tem sido usada principalmente nas vertentes de Marketing e publicidade embora o jornal diga que também já foi testada na medicina para analisar dor.

O reconhecimento de expressões faciais tem merecido cada vez mais destaque por parte da Apple que, ainda recentemente, adquiriu a startup suiça Faceshift que este envolvida no novo filme da saga Starwars.

A Apple “confirmou” a aquisição com a sua frase habitual afirmando que, de tempos a tempos, a empresa compra outras empresas mais pequenas sem revelar os motivos e os valores das aquisições.

0 comentários